A noite e a rua

Anoiteceu e a rua está vazia com um ar de tristeza sem fim.
Logo vem um barulho de uma música que ecoa no vácuo dando um ar de uma noite de boêmia instrumental que toca ao longe.
A rua começa ficar com um tô diferente com o balanço de vozes através de bares e ruas com vida em meio aquelas ruas cheia de luzes e gente transformando a noite em um lugar onde tudo acontece.
As estrelas vêm contemplar às noites de boêmia e o mar que com suas ondas completam a noite e a rua com um poema para seus ouvidos.
A lua incorporada no meio da rua começa dar seu toque final.
Meu livro aberto só para ler o que a noite e a rua revelam para minha inspiração que belo seu poema de uma noite e na rua.

Autora: Adriane Braga da Silva.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s